Stephen King Já Viu o Piloto da Série ‘The Mist’. Eis o Que Ele Disse.

O Showrunner Christian Torpe Contou o Que Stephen King Achou do Piloto da Série

0 356

Como vocês já devem saber depois de ganhar uma cultuada adaptação cinematográfica há dez anos atrás através das mãos de Frank Darabont, o romance O Nevoeiro (The Mist) de Stephen King está prestes a ganhar a sua série de televisão, com uma primeira temporada de 10 episódios que irão ao ar pela Spike TV.

Ainda não temos muitas informações a respeito da trama, mas recentemente o showrunner Christian Torpe conversou com a galera do Lilja’s Library, um fan site de Stephen King e não só contou um pouco mais sobre o seriado, como também revelou o que o próprio King achou do episódio piloto!

Sobre a reação de Stephen King, Torpe disse:

Eu tenho – e nenhuma palavra pode explicar a sensação de acordar e ver um e-mail de Stephen King em sua caixa de entrada. É tão emocionante e assustador quanto ler “It” quando você tinha 12 anos. Ele foi um cavalheiro, incrivelmente generoso em termos das mudanças que fiz. Ele também leu e viu o piloto e achou que estava “muito bom”. Espero e rezo para que ele continue a pensar isso que sobre o resto do show!

Sobre o super ultra comentado final de O Nevoeiro:

Eu amei o fim de Darabont. Era sombrio, irônico e brutal. Contudo, eu também amei o final original de King. O de Darabont era uma alegoria política, enquanto a de King manteve a história na metáfora existencial que foi bonito. Para mim não é uma questão de qual final é o melhor, eles são diferentes e fico feliz que ambas as versões existem. Não é esse ou aquele para mim. Onde o nosso final vai cair obviamente eu não posso dizer, mas posso dizer que está absolutamente em um dos lugares onde o programa se comunica com o filme e com o livro!

Sobre o que veremos das criaturas da série:

Nós terminou com bons mais de 1600 tomadas de efeitos especiais na primeira temporada. Isso É MUITO. A maioria delas são tomadas com a própria névoa. Nós também não queríamos que parecesse muito com máquina de fumaça, acrescentando assim uma sensação de movimento à ela, uma qualidade orgânica sem chegar no território mágico, é algo com o qual temos trabalhado muito. Como o que está na névoa e quanto nós vemos – você terá que esperar para ver!

A entrevista é bem completinha e se você quiser saber mais e se garante no inglês eu sugiro que dê uma olhadinha. Torpe envereda por outros assuntos, como por exemplo como buscou inspiração na versão de Darabont e seus planos para o futuro da série.

Enquanto isso vamos continuar aqui esperando mais informações sobre a série que, de acordo com o IMDB, está prevista para estrear ainda este ano, porém não temos uma data confirmada até o momento.

Você também pode se interessar Mais do autor