Investigadores Capturam Rugido Demoníaco Em Sanatório Abandonado.

1 69

Growl IPRA

David Scott e a equipe do IPRA (Illinois Paranormal Research Association) estavam investigando o Central State Hospital, em Indianápolis, no EUA, um antigo sanatório utilizado para manter criminosos considerados insanos, quando Scott ouviu um rugído alto enquanto caminhava sozinho por um dos corredores escuros da instituição abandonada.

Scott correu de volta até os membros de sua equipe e voltou para investigar na tentativa de filmar o que quer que seja que tenha feito o barulho. Ao investigar o corredor, a equipe ouviu o rosnado novamente.

O vídeo a seguir contém uma apresentação em texto que diz basicamente o seguinte:

[quote_box_center]Em 11 de Setembro de 2010, a Associação de Pesquisa Paranormal de Illinois investigou o Central State Hospital em Indianapolis, Indiana.

Dentro da primeira hora, o investigador líder, David Scott, ouviu um rugído alto no fundo de um corredor.

Ele contou ao resto do grupo e eles se reagruparam para investigar o barulho.
[/quote_box_center]

Você vai notar que o som é muito baixo e após a primeira apresentação, um novo texto, aos 51 segundos, explica que o microfone da câmera não foi capaz de capturar o som com precisão. Porém, os investigadores tinham gravadores pessoais que conseguiram gravar o tal rugido.

[quote_box_center]”O rugído foi difícil de ouvir no áudio da câmera. Aqui está o clipe repassado utilizando o áudio gravado no gravador digital de voz.”[/quote_box_center]

O som é realmente impressionante e de arrepiar. Contudo, lugares assim tem tubulações muito antigas e a primeira coisa que veio na minha cabeça é algum tipo de deslocamento de ar passando por dentro delas. Mas, é aquilo, né? Em filmes de terror, tem sempre um que surge com essa teoria e, invariavelmente, é sempre o primeiro a morrer.

Veja o vídeo abaixo e diga o que achou.

Você também pode se interessar Mais do autor

  • Acredito que seja o você falou mesmo, algo relacionado às tubulações antigas do local, não me parecer nada sobrenatural…